terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Fotos dos Playoffs

Salvei umas fotos que me deram pensamentos maliciosos - muitos já são por si só cliques maliciosos  - dos jogos dos playoffs e pensei: "porque não brincar um pouco com elas no blog, que nem faço com a F1?"
A coisa está tão esquisita com meu time, que para botar um sorrisinho na cara, pode ser revigorante aprontar uma dessas. Conto com vcs para incrementar com algum comentário. Preparadinhos?


Essa foto é do começo do mês Cam Newton em uma coletiva. 
Que que isso, jovem? 


E é uma calça que a gente chama de "skinny" (com a barra apertadinha no tornozelo...) mais um sapatinho/sapatilha sem meia? 
The Real Superman não usaria isso.
Pensando bem, o cara usa uma cueca sob a calça então...


***

Eis momentos em que a NFL pode ser divertidíssima, na perspectiva "para além do jogo". 


Dica a longo prazo para os cuidadores dos uniformes do Pats: troquem o elástico das calças do Gronkowski porque em jogos passados eu temia que isso estivesse a beira de acontecer, e bem, aconteceu nesse fim de semana, como podem ver. 
Olhem bem e dividam esse sofrimento comigo:


Quem assiste Esporte Interativo sabe do que estou falando: eles não entram de comercial, então ficam repetindo umas cenas dos jogos quando acontecem pausas. Essa cena acima foi repetida algumas vezes, na dose certa para garantir pesadelos.


Furem.
Meus.
Olhos.

***

Essa cena foi hi-lá-ria: Mr. Brady nervosito!! E pensar que só o Philip Rivers era chiliquento... 


A treta nada mais foi que Brady foi encurralado depois de um sack e sopitou mais ainda porque tentou levantar, não teve espaço e caiu de novo e aí já levantou gritando e encarando até o vento. 
Ri muito, obrigada. :D
O juiz na hora deu o jeito com um singela frase adaptada ao indivíduo: "Senta lá, Tom".


***

Ó o Julian "Lenhador" Edelman. (Lenhador porque embaixo daquele capacete tem uma barba digna dos profissionais da extração de madeira).
Num único lance preciso, fez cosplay de Sérgio Malandro... 


E saiu fazendo piruetas com o amiguinho Amendola (cujo o nome me lembra amêndoas, e por isso chamo ele de Peanuts - amendoim em inglês - desde sempre, porque nunca lembrei que o nome da criatura era "Amendola"...)

Garappolo - reserva do Brady - viu a pirueta e ensaiou um pas-de-deux.


***

Isso que eu chamo de lanchinho. 
Um quilo e meio, jovem? Não ia ter desculpa se eu não engordasse se tivesse isso de dieta. #partiuLambeauField


***


Antonio Ramiro rende sorrisos apenas pelo nome. Vem à cabeça um senhor barrigudinho e bigodudo com sombreiro e solando num violão mexicano. Usem a imaginação, um programa de late show musical e o anúncio do apresentador: "Com vocês, Antonio Ramiro e seus Mariachis"... 



Capitaram? 
Mas voltando a pose, que rendeu risos e um comentário sonoro das companhias do jogo semelhante ao "huuuuuum..."
Logo, ninguém perdeu a estribeiras e já brincaram que essa poderia facilmente a capa da Swin suits da Sports Illustrated. Quem compraria levanta a mão?!


***


Se você, assim como eu, pensou na hashtag #medo, estamos juntos. 


Luck foi o meu carrasco nesse fim de semana, mas desde que tomei conhecimento dessa cara sexy não posso deixar de associar ele com a figura de algum ator que tem chances de ser protagonista de filme de terror americano com o papel de psicopata. Ou seja, enfrentá-lo no fim de semana e ainda perder para ele, rendeu tantos pesadelos quanto o cofr(inho) do Gronk no sábado.
Furem.
Meus.
Olhos.


***


Único momento em que pude dar uma risadinha. 
C.J. Anderson querendo segurar Orlando Franklin assim foi "pácabá"...


Comentem aí! 
Abraços afáveis!

4 comentários:

Ron Groo disse...

hehehe a sports ilustrated teve a sacada muito rápido durante o jogo, foi hilário.

Manu disse...

Excelente! :D

Nelson disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nelson disse...

Muito bom o post! Medonho o sapato do Cam Newton... Quando Brady deu aquele chilique eu fiquei, no fundo da minha ignorância, tentando achar motivos para aquela reação, no fim acabei rindo, pareceu aquelas pessoas que ficam agitando briga "me segura senão eu bato!"