terça-feira, 31 de maio de 2011

GP de Mônaco em fotos

Depois de um fim de semana com muitas fotos glamurosas, é hora daquelas do "trabalho".

Soneca ajuda para uma boa classificação?

- O quê? Vc acha que eu não te dou atenção, Webber?
- É, arruma um companheiro melhor...

Button: - Eu me candidato!

Vettel: - Era piada, Button?
- Bem, mais ou menos...

Webber: - Me isolaram, será que era sério?

Qual o "pobrema", Vettel? Hoje o macacão nem está tão ruim assim...

Gente, cadê o pente? Pro Alonso, claro, porque para o Massa, aqui alí se é que pode chamar de cabelo vai cair logo, então deixa assim que disfarça.

Dando uma refrescada, né? *Chama o Button!*

Mãe coruja? Sim, normal.
E uma sogra osso duro de roer? Tenho quase certeza.

Kimi não perde uma festa. Esteve em Mônaco (estes com ele são os The Dudesons - ver aqui-).
Dane-se, ele sabe curtir a vida. E como sabe! ^^

Alerta: Sem piadas com o Lewis Hamilton.
Não quero ser mais uma acusada de implicar com ele. Sem piadas, porque ele foi a grande piada da corrida.

Abraços mega afáveis!

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Fim de semana de diversão

Há muito eu não passava um sábado e um domingo de diversão na internet e vendo TV.
Eu tinha coisas para fazer, mas na sexta e no sábado coloquei tudo em ordem. E lá estava eu depois de montar o post sobre o treino classificatório da F1, assistindo Nascar Nationwide 300. Nem em um milhão de anos eu imaginava essa situação, mas como a gente nunca imagina o que acontece com a gente, o importante é surpreender.
Explico porque. Kimi Räikkönen estava semana passada dando seus primeiros passos na Nascar, Truck Series e sábado passado a Nationwide 300. Assistir corrida da Nascar seria chato porque circuito oval, ninguém merece. Eu não entendo bulhufas e para complicar, a internet não ajudava tanto, mas dava para ver e se eu me perdesse tinha o livetiming. O grande momento de fúria era a quantidade de propagandas... Um horror. Tudo estava compensado quando tinha fãs do Iceman juntos num chat. Tudo tornou-se muito mais divertido do que poderia ser. Kimi estava atacado no rádio reclamando que estava muito quente. Rimos litros!
Kimi se divertiu lá, nós nos divertimos cá e o Iceman's Club da Ludy do Octeto está de volta.
Fico feliz que isso esteja acontecendo, que Kimi, mesmo fora da F1 esteja fazendo coisas legais. Porque, por mais que a F1 ainda seja a categoria suprema, e que todos nós gostamos horrores, é para frente que se anda. É em busca de uma realização pessoal que faz com que sejamos felizes e Kimi tem buscado isso, primeiro no WRC e agora com a loucura da Nascar. Na F1 era muito explorada a figura de Kimi certinha, e querendo ou não não dá para ser livre ser sem criticado alí.
A gente procura pilotos favoritos não pela cara, acredito eu. Mas pela vontade de ser como este ou aquele. E ser feliz no que faz. Simples assim, mesmo.

Na F1 ontem, acordei com espírito de Mônaco aflorado.
A largada foi normal e era de se esperar que Alonso tomaria o lugar de Webber. Não, não era de se esperar que Schumacher deixasse a corrida um pouco quente no início dela.
Mais uma vez eu assisti uma corrida do Felipe Massa. A narração está cada vez mais voltada para o brasileiro e eu cada vez estou mais "nem aí" para ele. Segunda corrida em que abandona, dessa vez pela culpa de Lewis Hamilton. Culpa? Eu não sem bem a que grau. Se não falei abertamente aqui, falo agora. Lewis sempre fez muita, muita, mas muita bobagem e ainda rotulavam ele de gênio. Algum tempo depois devo ter afirmado por aí que novo gênio para mim era Sebastian Vettel quando talvez estava ainda na STR.
Dessa vez não sei a que grau foi culpa dele, quando disputou posição com Massa. Lewis tinha parado com isso, mas Massa andou muito sujinho ultimamente. Para mim lance comum de corrida, que deu porcaria. Para mim Massa nem deveria ter mexido com Lewis. E principlamente, se fosse fazer da disputa algo legal, que fizesse bem feito, algo que não acreditasse que aconteceria.
E Lewis chegou a dizer que aconteceu a perseguição porque ele é negro.
Só pode ser piada né? Fala que foi piada!!!!
Diz que foi, mas mesmo assim, uma piadinha nesse teor, nunca tem graça.
Veio o túnel, e nosso querido Massa estava já prejudicado, acidente foi inevitável. Abandonou a segunda corrida seguida. Great job!
Primeiro Safety car e facilitou sim a vida da Red Bull que errou no pitstop do Vettel e do Webber, deixando Button e Alonso na frente de Vettel, mas logo ele garantiu o lugar do espanhol e com o Safety Car polpou pneus.
Mais perto do fim rolava uma tensão enorme entre Vettel na frente, Alonso coladinho nele, e Button logo alí com seus pneus poupados. Foi um momento tenso, mal dava para respirar.
Daí veio o segundo incidente, poxa, teria sido realmente culpa de Lewis? Eu voto numa divisão de erros. Lewis atacou Sutil que abriu a porteira como se fosse uma moça (sem duplo sentido ok?) e Alguersuari tinha pouco espaço, atacou a zebra, uebrou a suspenção e bateu. Óbvio, já ouviram falar em lei da física? Dois corpos não ocupam o mesmo espaço ao mesmo tempo? Culpa de dois, seguindo a lógica, Sutil e Lewis. Sutil podia ter se segurado nas tamancas e Lewis deveria ter esperado. Se ele estava mais rápido ia passar logo. Mas na confusão, ninguém pensa. Todos absolvidos? Hum... tá.
O prejudicado da vez era Petrov, que já deixou meus nervos tensos quando vi a ambulância. Tudo bem depois, todos pararam e o torto carro do Hamilton foi consertado na pista. Depois diz que nunca é privilégio para ele?! Oras, e se não houvesse parada? Ele tinha que ser removido para o box. Com o Safety Car novamente e a uma possível relargada até que se fizesse o resgate de Petrov, teve tempo de sobra para terminar a corrida e ainda marcar pontos, com a quantidade de coisas que tinha feito. Ele achou que estava no parque brincando de carrinho bate-bate.
Relargada e aí sim, Lewis fechou com chave de ouro. Se antes suas investidas eram lance de corrida, dessa vez detonar o carro e a corrida de Maldonado, foi palhaçada.
A parada, dizem, beneficiou Vettel. Não sei se Alonso conseguiria ultrapassar. Não por ele, mas pelo desgaste do carro e dos pneus. Segundo lugar ainda foi muito bom para o espanhol. Vide que Jenson tinha melhores chances para estar na frente de todos.
A Red Bull arriscou, e mais uma vez foi vitoriosa porque não teve só carro. Teve piloto e ajudinha extra para acalmar ânimos.
Deviam contratar Lewis para ajudar na próxima, no Canadá. Porém não creio que precisem.

Segundo e Primeiro
Segundo e Terceiro

Fico por aqui. Amanhã volto com fotos.
Abraços afáveis!

sábado, 28 de maio de 2011

GP de Mônaco - Classificação

Mônaco é bonito, o clima é empolgante, os pilotos sempre tem uma sexta feira altamente agradável com direito a pose para foto muito glamour e exposição.
De fato isso é muito bom, mas sábado é dia de labor. No bom sentido claro, porque um serviço destes é legal pra caramba... As vezes.
O dia não começou bem Nico Rosberg por exemplo. Logo no treino livre da manhã saiu do túnel já batendo nos guard rails. Por sorte, os danos no carro foram minimizados e ele estava bem e ileso para a classificação.
Liuzzi também destruiu sua Hispania.
O mesmo estilo de acidente de Rosberg, porém muito mais forte, ocorreu com o Sergio Perez já na classificação quando faltavam pouco mais de 2 minutos para o fim do Q1.
Logo de manhã assim, é lascado ficar tensa com essas coisas. Ainda mais eu que não consigo sossegar enquanto não vejo o pessoal sair do carro bem. Perez não foi sortudo a esse ponto, e acabamos ficando com as notícias da equipe que ele passava bem mas sentia dores nas pernas.
No entanto, sem fraturas, ficará em observação. Fica apenas o pensamento de que fique tudo bem logo.

Todos apostavam no super Lewis Hamilton. No Q3 acabou confiando que poucos minutos finais dariam certo e muito provavelmente pode culpar o acidente do Perez. Saiu ensandecido para marcar tempo, seria tenso, uma vez que sebastian Vettel tinha feito 1.13.556! Ficou com o sétimo tempo. (Clique abaixo para ampliar):

Fonte: F1fantasy.com

Ter tumblr e seguir algumas pessoas é mais útil as vezes que ter só uma internet e acesso a muitos sites. Rapidamente já posso informar que Lewis não larga em sétimo e sim em nono. Na sua disputa pela pole numa única volta, ele cortou a chicane, como já fez algumas vezes em Mônaco. Se eu não estou enganada em 2008 ou 2009 ele levou advertência, sobre esses atalhos.
Não vem ao caso. Sebastian Vettel faz sua quinta pole em seis GPs.

O trio da frentona de Mônaco 2011

Foto para dar uma alegrada no ambiente? Fotos de ontem para vcs:

Button bem. Michi (-rica) também, bem. WTF, Lewis? Terno branco? Onde era a entrega de prêmio do Grammy do pagode? Que derrota. Era bem melhor um terno creme, azul, sei lá, mas terno branco é muito feio!!!!!

Luz na passarela, os modelos então prontos! Er...

Sim, o cartão de crédito do senhor; me dá que eu faço a festa!
E a mamis coruja alí no canto direito...

Fala sério...


Tem gente que não estava se divertindo muito. Que sucede, Kova?

Amanhã, ou segunda retorno com comentário da corrida.
Abraços afáveis!

PS: neste momento assistindo Nascar Nationwide 300 para acompanhar o Kimi... Só ele para me fazer isso.

quinta-feira, 26 de maio de 2011

GP de Mônaco a caminho...

Mônaco!
Eu gosto bastante da minha adorada Araguari, mas complica a vida quando a gente vê uma foto dessas:



Aí eu olho para minha janela vejo um muro e um barulho de obras ao lado na minha casa.
Enfins, há situações que estão além do nossos limites.

Uma delas é porque as pessoas gostam tanto do circuito de Mônaco. Eu sinceramente acho tenso. E tudo que é tenso, é complicado gostar. Entendo que os pilotos podem gostar do circuito. Deveras, quem mais se diverte é eles. A melhor parte é o túnel e só ela compensa tudo? Então tá. Assumo que tenho problemas.

E falar dos treinos livres me deixam meio sem sal. Eu estava essa manhã pagando meu estágio de observação numa escola. Nem quero comentar para não tirar o "brilho" que com míseros custos vou tentar explorar.

Alonsito foi o mais rápido do dia. Ele já declarou que seria legal vencer lá e assim a Ferrari segue com ele prometendo, e tendo esperança. Abaixar a cabeça é para fracos.
Os caras da McLaren fazem alarde contra a hegemonia da Red Bull.
Eu nem digo que acho ser só comentários ao vento. Ah, já disse...
Como treino livre, ainda mais de Mônaco, numa tradicional quinta-feira, nunca dá gás em ninguém resolvi botar umas fotos aqui hoje.

Eu só espero que isso não seja uma dança. (Pausa para o tênis de Vettel: A-do-rei!)

Um russo na F1 era meio incomum? Mais ainda é jogando futebol. E eu achava que só existia ginastas e nadadores lá, até descobrir outras formas de vida esportiva. Mas isso não quer dizer que ele jogue bem. Algo me diz que essa bola saiu rolando para a esquerda e ele se desequilibrou depois do clique dessa foto.

Fernando estava no mesmo time. E Petrov não estava "faster than him":

Está lá um coooooorpo estendido no chão. Chamem os paramédicos. A torcida grita em uníssono: "Que dó, que dó!"

É. Eu perdi a legenda para essa cara, Jenson.

Muitos moços nesse blog? Certo, então, alguém me explica:

Estas são algumas Grid Girls em Mônaco... É, tipo, como dizer... sem ofender... Era as melhores na área? Sério mesmo?

Abraços afáveis!

segunda-feira, 23 de maio de 2011

GP da Espanha: Saltos e talentos

Se vc teve uma infância proveitosa, com certeza se sentiu representado ontem com o sempre menino grande Sebastian Vettel.




Espanha não é a melhor pista do mundo. Muito longe disso.
Com o KERS e o DRS esperava-se uma corrida contrária do enfadonho. De fato foi bem movimentada. Compostos de pneus (um horror, mas enfim) novos, e as novas táticas de ultrapassagem (embora em menor ocorrência dessa vez), enfim, serviram para algo.
Na largada, Alonso aprontou uma que fez com que seu torcedores - muito provavelmente em massa alí - vibrassem ensandecidos ao ver o espanhol ultrapassar as Red Bulls. Coisa de Fernando Alonso. Talvez seja uma grande pena que a Ferrari não esteja com a bola toda. Mas serve para algo. Para quem sabe usar a cabeça, serve para saber que o problema da Ferrari é grande, mas não é o fim do mundo. Tendo um piloto como Alonso nas mãos há como carregar míseros pontinhos no bolso e:
- não rodar sozinho;
- e não botar culpa nos pneus;
- e não achar que vai tudo cair do céu;
- e não tratar a repórter da Globo com falta de educação;
- e muito menos achar que não é preciso treinar pitstops com sua equipe para evitar que a mesma só erre com vc.
Deu para entender? Esses são alguns dos argumentos para se ter um contrato até 2012 e o seu companheiro até 2016. Dane-se Santander. Mesmo que tudo conspire para o bem daquele de 2016, ele ainda dá motivos para permanecer, mesmo que superficiais. E são muitos. Termina em quinto, garante 10 pontos.

A Red Bull é realmente boa. Mesmo assim, não resolve a vida de todos. Mark Webber tinha a faca e o queijo na mão. Com uma corrida na Espanha, largando bem, faria dela um passeio domenical e... puff... Mais uma vez parecia alheio a idéia de que havia carros em volta dele que tomariam seu lugar.
Problema no KERS?  Who cares?! Já que é tanto o problema do tal, porque confiar nele?
Péssima largada também ficou para Button, perdendo cinco posições, mas mostrando-se inteligente novamente para superar seu minuto de bobeira, garantiu um terceiro lugar, que rendeu muito mais que seu companheiro, que prometeu, prometeu, prometeu mas não rendeu como Vettel.
Lewis jamais renderia como o tal. Se há algo que o mesmo não faz é poupar coisas. E mesmo pressionando, à frente estaria o grande nome da corrida. Grande nome esse que tem carro, tem motor etem talento. As vezes só isso basta.



Heidfeld também teve uma corrida incrível. Digna de aplausos, Nick largou em último e chegou em lindo oitavo lugar, superando até Petrov, seu companheiro que chegou a estar em quinto mas finalizou em décimo primeiro, sem pontuar.
Chato é repetir o nome de Sebastian Vettel ao fim de cada post.
Isso é.
Mas o que fazer quando ele nos dá motivos para elogiá-lo?



Seguindo assim, o campeonato é dele fácil, fácil.
Para finalizar:
Michael Jackson - Speed Demon



Abraços Afáveis!

sexta-feira, 20 de maio de 2011

GP da Espanha: sexta e sábado em "resumo"

Ao som de Duran Duran, "Ordinary World" estou pensando o que escrever de expectativas para o GP da Espanha e... blah!
Eu não gosto do circuito. Então nem dá para criar altas emoções empolgadíssimas numa sexta-feira como essa. Essa sexta eu considero uma dádiva, visto que a semana foi altamente cansativa. E ainda tenho o que fazer, coisas chatas, que como o circuito, propiciam que tudo fique bem mais difícil.
As coisas chatas são obrigações e não dá para pular, salta-las. Assim como o circuito.
Com as novas regras, pode ser que emoções ocorram, mesmo que sejam fake. Então basta esperar para ver.

Treinos livres servem para ... sei lá, para cumprir tabela? Bem, digo isso porque no fim das contas é o classificatório que conta, é nele que tudo se decide de fato e nunca é muito igual aos treinos livres. Creio que, como eu, muitos apostam numa nova pole do Sebastian Vettel amanhã. Se não ocorrer, já é uma mudança significativa.

Dessa tarde quem ficou nas páginas como o mais rápido foi o companheiro dele, Mark Webber. Os melhores tempos do dia segundo Uol Esportes são estes:

1.  Mark Webber (Red Bull-Renault) - 1m22.470s        
2.  Lewis Hamilton (McLaren-Mercedes) - 1m22.509s
3.  Sebastian Vettel (Red Bull-Renault) - 1m22.826s
4.  Jenson Button (McLaren-Mercedes) - 1m23.188s
5.  Fernando Alonso  (Ferrari) - 1m23.568s
6.  Nico Rosberg (Mercedes) - 1m23.586s
7.  Michael Schumacher  (Mercedes) - 1m23.981s
8.  Felipe Massa (Ferrari) - 1m24.278s
9.  Kamui Kobayashi (Sauber-Ferrari) - 1m24.290s
10.  Nick Heidfeld (Renault) - 1m24.366s
11.  Sergio Perez (Sauber-Ferrari) - 1m24.483s
12.  Vitaly Petrov  (Renault) - 1m24.786s
13.  Sebastien Buemi  (Toro Rosso) - 1m25.296s
14.  Rubens Barrichello (Williams-Cosworth) - 1m25.303s
15.  Jaime Alguersuari  (Toro Rosso-Ferrari) - 1m25.457s
16.  Pastor Maldonado (Williams-Cosworth) - 1m25.603s
17.  Paul di Resta (Force India-Mercedes) - 1m26.073s
18.  Heikki Kovalainen (Lotus-Renault) - 1m26.417s
19.  Adrian Sutil (Force India-Mercedes) -  1m27.123s
20.  Jarno Trulli (Lotus-Renault) - 1m27.189s
21.  Jerome D'Ambrosio (Virgin-Cosworth) - 1m28.036s
22.  Timo Glock (Virgin-Cosworth) - 1m28.062s
23.  Narain Karthikeyan  (HRT-Cosworth) - 1m29.469s
24.  Tonio Liuzzi (HRT-Cosworth) - 1m29.476s

Deixo também algumas fotos do dia pegos pelo "manu radar", por aí:

Fofocas rolam, baby.

Momento WTF? Correndo em casa Alonso se dá o prazer de posar para foto e espreguiçar-se.


Atendendo os pequenos...

...e sendo coorporativo. Fala aí se Sebastian não é praticamente um presidente populista?

Fora de contexto? Sim, confesso. Mas Kimi estréia na Nascar na cidade de Charlotte e adorei o visu do macacão. É para ser tiete também, porque em geral não dou muita importância para o que acontece na Nascar. Sou sincera, fazer o quê?!

No meu último post de fotinhas de F1 eu botei uma sequência de fotos muito meiguinhas. Talvez porque eu estivesse pouco ácida para fazer brincadeira, até Ron Groo comentou naquele post que vendo tanto macho até queria fazer campanha de mulheres na F1. (Com o problema do blogger semana passada no dia 12 creio que alguns comentários tenha sumido)...
Fecho então com uma moçoila? Vamos tentar:

Jessica Michibata. Namorada de Jenson Button. Conhecida pelos suas micro vestimentas pelo paddock. Andou meio comportada, mas não me explicou o que na verdade estava fazendo quando foi clicada aí.
Sincaramente? Tenho medo de perguntar.

Abraços afáveis! Bom treino pessoas e bom fds!

_________________________________________________________________________

Sábado - pós treino classificatório:

Senhoras. Senhores. Oi.
Não ha muito o que dizer do treino classificatório de hoje pela manhã que foi assistido por mim, ainda muito sonolenta.
Por falar em lenta, ainda estou no momento desse post. O traço é para aproveitar o de ontem, com algo mais cheio de conteúdo.


Não foi Vettel, foi Webber. Foi praga do trio global, que hoje quizeram fazer suas apostas ridículas no segundo colocado. Brincadeira, claro, não mudou nada. Quem ainda "voa" é a Red Bull. O resto é coadjuvante.


Bom, o que dizer? Alonso pulou no Webber com mais empolgação que o próprio que fez a pole.
Querendo ou não, com tudo que todos dizem, Alonso é um excelente piloto. Com todas as bobagens da Ferrari ele ainda provou que pode sentar a bunda no banco do carro e fazer algo legal. Um quarto lugar é xoxo? Mas na maré que ia, não considerava isso.
Agora: Webber! Que cara mais sem emoção! Qual o problema fófis, comemora um tiquim!!! A cara de paisagem dele me fez sentir falta do dedinho do Vettel.
Enfim, cada um faz o que pode na hora que acha necessário correto?
Acho que é isso.
A classificação está abaixo:

* Fonte: F1 Fantasy Game.com

Com isso, deixo vcs para que comentem, falem de suas frustrações seus pitacos, suas expectativas, suas críticas ao post.
Boa corrida!
Abraços afáveis!

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Comentando notícias da F1

Voltando a rotina normal, vamos ao que interessa:. Comentar algumas notícias sobre a F1:

FIA muda regulamento sobre difusor de ar (Fonte: Tazio)

De acordo com a revista inglesa “Autosport”, a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) enviou um comunicado aos times com o objetivo de controlar o fluxo contínuo de ar nos difusores.
Nesta temporada, o item está entre os principais componentes do carro quando as equipes pensam sobre ganhos de performance. A maioria dos times do grid tem trabalhado neste aspecto técnico para ganhar o máximo desempenho possível.
Recentemente, a equipe McLaren afirmou que viu no fluxo de ar contínuo através dos difusores o segredo para a vantagem que a Red Bull tem sobre as outras equipes.
A questão que causou controvérsia é que os times vêm fazendo com que o ar corra através dos difusores mesmo quando os pilotos não estão acelerando. Isso faz com que os carros tenham um melhor desempenho aerodinâmico.
Em comunicado, a FIA estabelece que os times podem usar somente 10% da total capacidade de aceleração dos carros enquanto os pilotos não aceleram. Atualmente, há equipes utilizando 90% dessa capacidade de aceleração.
A FIA justifica o comunicado dizendo que a aceleração, enquanto os carros estão reduzindo, só é permitida para ajudar numa futura recuperação de torque dos motores e não para melhorar o desempenho aerodinâmico.
O documento estabelece também que qualquer time que não seguir as determinações estará violando o artigo 3.15 das regulações técnicas, que se refere a inovações aerodinâmicas.
Ross Brawn, diretor técnico da Mercedes, falou sobre o impacto que o comunicado terá sobre as equipes.

“A regra irá afetar todos os times e ela vem para fazer com que a gente não escute mais ninguém falando sobre isso. Os times estiveram desenvolvendo o mapeamento dos motores para conseguir a maior vantagem no fluxo saindo dos difusores. Agora, a FIA quer nos empurrar para uma direção diferente e acontecerão muitas mudanças.”
“Eu não tenho nenhuma ideia sobre o que acontecerá, mas isso irá fazer com que todos os times mudem sua perspectiva sobre como estão desenvolvendo os motores”, disse Brawn.
Christian Horner, chefe da equipe Red Bull, também falou à publicação inglesa sobre o comunicado: "Haverá consequências sobre todos os times que estão utilizando isso. Acho que 90% do grid está utilizando os difusores com fluxo de ar constante. Isso não começou este ano, mas no ano passado. Em Barcelona veremos as conseqüências”.

Mais uma bela dor de cabeça senhoras e senhores! Diria que, na verdade, o momento é de um belo porre e só na Espanha (corrida que acontecerá nesse fim de semana) saberemos a que grau será a ressaca.

Empresário: "Sutil fará de tudo para limpar seu nome" (Fonte: Tazio)


Manfred Zimmermann, empresário de Adrian Sutil, afirmou que o alemão fará de tudo para limpar seu nome caso seja, de fato, processado por Eric Lux, acionista da Lotus Renault.
O piloto da Force India e Lux, vice-presidente do Genii Capital (grupo que detém as ações do time de Enstone) se envolveram em uma confusão em uma boate de Xangai na noite após o GP da China, no mês passado.
Na ocasião, Sutil teria atingido Lux com um copo, o que teria causado um sangramento no dirigente devido a um corte em seu pescoço. Mesmo que o alemão tenha pedido desculpas públicas, o empresário declarou, nesta segunda-feira, que pretende entrar na justiça contra o piloto da Force India.
Em resposta às intenções de Lux, o empresário de Sutil emitiu um comunicado onde afirma que o piloto não medirá esforços para esclarecer sua posição na polêmica.
"Tendo em vista o recente comunicado emitido em nome do senhor Eric Lux, chegou ao nosso conhecimento que ele pretende apresentar uma queixa criminal contra o senhor Adrian Sutil a respeito de um incidente que aconteceu após o GP da China", diz o documento.
"Adrian já explicou que suas ações resultaram em uma lesão acidental no senhor Lux e pediu desculpas por seu envolvimento neste caso lamentável. Caso o senhor Lux prossiga com a denúncia, Adrian usará todos os meios disponíveis para esclarecer sua posição e para limpar seu nome."
"No entanto, nenhum comentário adicional será feito sobre o assunto, já que Adrian continua a concentrar-se nas próximas corridas, em Barcelona e Mônaco."

Não tenho dúvidas senhor Zimmermann, que Sutil tentará de todas as formas maquiar o que for preciso para sair ileso da confusão.
Para quem não tomou conhecimento do "bafão", Sutil desceu das tamancas  e atingiu - segundo ele, acidentalmente - Eric Lux, numa festinha acaloradíssima em Xangai, com um copo e cortou o pescoço do tal. Na festa estava também seu amigo de fé e irmão camarada Lewis Hamilton, mas o inglês não está envolvido na confusão. Lux (não o sabonete, por favor) promete levar o fato à justiça, querendo uma indenização gordinha o suficiente para essa que vos escreve comprar um carro, uma casa para mim todos daqui de casa e ainda sobrar um tantão para visitar a Europa.
Não pára por aí, numa das reportagens da Folha Online a respeito do fato, advogados de Lux estariam sugerindo inclusive um processo contra Adrian Sutil que levaria a esse perder sua licença... "Depois dos fatos ocorridos em Xangai, no dia 17 abril, e depois de ter feito um dossiê sobre o caso, o senhor Eric Lux decidiu denunciar o senhor Adrian Sutil por socos e lesões voluntárias", anunciou a advogada Marc Henzelin.
Adrian pediu desculpas publicamente e ninguém sabe ao certo qual a razão, muito menos os detalhes do barraco. Como na reportagem acima, o empresário do alemão diz que o mesmo está focado na corrida que está por vir.
Com tudo isso eu pensei algumas coisas e abro parênteses tipo Nelson Rubens para o fato. Concordo que há situações em que ficamos tão atcados que as coisas que mais queremos fazer é gritar: "eu vou te processar, seufilhoda...". Um corte no pescoço, alguns pontos.Primeiro, precisou de um motivo para acontecer. Sutil fala em acidente. Acidente acontece se o copo estourasse e involuntariamente voasse no pescoço de Lux. Mas rolou socos, como o vítima relata em dossiê. Para tudo isso dever ter um motivo. O processo então, se rolar, vai ter fatos que comprovem o ocorrido. Se Lux vencer em alguma das medidas, nem adianta Sutil querer limpar o nome. Vai ficar com fama de barraqueiro.

Eu acho Sutil, uma criaturinha suspeita e isso não é brincadeira, mas a minha versão do fato é: Pode ser que Lux tenha gritado "Bicha" e Sutil rebateu com a célebre frase de Vera Verão; "Bicha não, sou uma quase mulher!" e a pancadaria começou.
Mas é um capítulo cômico que vamos acompanhar. Fico pensando que se fosse Kimi Räikkönen ou Fernando Alonso teríamos tantos comentários deploráveis na internet, piadinhas desconcotroladas, e de Sutil ainda não vi uma sequer. Abro a porteira, então... ^^

Ferrari já estaria pensando na temporada de 2012 (Fonte: Tazio)

Segundo a revista italiana “Autosprint”, a Ferrari já estaria planejando algumas modificações para a próxima temporada.
A matéria explica que a equipe italiana teve problemas com aerodinâmica do seu atual carro e alguns integrantes do equipe podem sair. O time já admitiu nas últimas semanas que uma falha no túnel de vento teria sido o motivo.
Porém, uma fonte da publicação, um ex-integrante do time, aponta que o problema não deve ter sido este, mas sim, a escala dos pneus Pirelli usada no túnel de vento e uma abordagem diferente no trabalho que não teria dado certo.
“Acho que eles tentaram usar um fluxo [de ar] em curva para simular as curvas, o que é uma tarefa muito difícil”, afirmou.
Aldo Costa, diretor técnico da Ferrari, explicou que é normal acontecerem falhas no túnel de vento e que isso será investigado pela equipe.
“Não é anormal ter um problema no túnel de vento. Infelizmente, quando acontece conosco chama muita atenção. Nós tivemos que revisar algo no túnel. Não quero ser mais específico que isso”, disse o dirigente.

Déjà vu? Sim, vimos isso ano passado em 2010, e em 2009, e em 2008... Pensam antecipadamente, mas nada acontece no ano seguinte. O que fazem? Não perceberam ainda que todo o trabalho não está sendo suficiente? Cabeças realmente precisam rolar naquela equipe, mas não será aqueles que necessariamente vão cair fora, de fato.

Chega de acidez. Amanhã tem mais.
Abraços afáveis!

terça-feira, 17 de maio de 2011

Pequena pausa

Parece séculos que não retorno ao blog e não foi por falta de querer.
De fato, na sexta eu planejei postagens para dois dias, mas o blogger teve um momento de loucura. Na sexta a minha última postagem de músicas para as mamães havia sumido. Não só as minhas, mas o problema foi geral, com vários amigos blogueiros perdendo suas postagens do dia 12. A postagem voltou, mas até sábado nem havia verificado. Isso porque eu faço um curso numa universidade federal, que de fato é relativamente fácil, porém, há umas idiotisses que podem lhe custar uma aprovação. Jogaram nas minhas costas um trabalho para ser feito e entregue na segunda feira. Nem eu nem minha colega tivemos tempo antes então sábado era dia de correr atrás do prejuízo.
É nessas horas que sinto falta de um curso de exatas, quando eu me ferrava por minha própria conta e não havia trabalhos em grupo.
Nessa semana que passou também... Nem devo comentar de professores incopetentes, que não dão aulas, e detestam alunos que escrevem objetivamente nas provas. Eu sou totalmente contra o método do "encher linguiça" mas volta e meia aparece um professor que acha que isso é sinal de inteligência ou habilidade. Eu tenho pena deles. Hoje foi aula de um destes. A única coisa que prestou foi uma mini palestra com um italiano antropólogo que fez um documentário sobre a resistência ao regime facista em Treviso. "Treinei" meu italiano e ajudei minha colega em outras coisas até a hora de ir embora.

No momento digo que não é ruim se preparar para fazer monografia. É ruim fazer estágio em escolas ao mesmo tempo. É ruim ver criaturas com 14 e 15 anos enlouquecidos dentro de uma sala de aula, não dando a mínima para o que um professor diz. Conversando, fazendo exercícios de outra matérias, zuando e curtindo da cara do professor. É isso que pedem para que façamos? Sejamos palhaços - "professores"?
Se não bastasse tenho uma sequência de trabalhos de análise sobre o ensino brasileiro, com a falsa ilusão de achar que sou capaz de ser o ser o futuro profissional que vai botar as decisões do MEC nos trilhos.
Segunda foi dia de botar alguns desses trabalhos banais e medíocres em prática mais outras obrigações. O blogger ficou para hoje, no momento de correria...

Mas ninguém merece tais lamentações.
Quero dizer que com o blogger normal, pretendo fazer meu trabalho também normal aqui, com a permissão de vcs. Essa semana deve acontecer alguns comentários (mesmo que fúteis) sobre F1.

Uma música para alegrar o dia:



Abraços afáveis!

quinta-feira, 12 de maio de 2011

Dia das Mães

Parece post atrazado, mas não é.
Semana passada, todos sabem, comemoramos o dia das mães. Acho meio sem noção a data; afinal todo dia é dia das mães. São figuras muito importantes nas famílias, nas nossas vidas. É ou não?

Por isso, faço a postagem de hoje pensando na data, que se eu pudesse teria dado prioridade no domingo à um post, uma vez que o comentário sobre o GP da Turquia veio na segunda. Mas o domingo foi dia de descanso, com a mamis! E seguindo a idéia que todo dia é dia delas, venho com uma lista de músicas com a temática "Mãe".

Metallica - Mama Said




Ozzy Osbourne - Mama, I'm Coming Home (*esta música Ozzy escreveu para Sharon Osbourne - sua mulher e empresária - da qual apelidou de "Mama". Querendo ou não é uma mãe bem doidona, com uma família mais que pirada. A música é ótima):




Danzig - Mother





ERA - Mother





Backstreet Boys - The Perfect Fan (*apesar da banda - muitos terão um preconceito por aí - mas tem uma belíssima letra):




Se a de cima, é muito bonita, a seguinte além de ser em alemão, não é muito poética nem muito meiguinha. Rammstein é de fato uma banda polêmica, mesmo assim eu gosto deles... (No caso, a letra e tradução, aqui)

Rammstein - Mutter




Contexto fora do sentido, me lembra a música do Genesis - Mama. É, realmente não rola postar aqui... (rsrsrsrs)

Abraços afáveis!

terça-feira, 10 de maio de 2011

GP da Turquia in Fotos

Caça teu rumo Massa. Cara de "mimimi..." não funciona!

"Eu voltei, agora pra ficar, porque aqui, aqui é meu lugar..." - Fernando Roberto Alonso Carlos.

Malabarismos? Talvez funcione na próxima corrida, Rosberg. Eu se fosse vc arriscava.

- Pessoal, olha a fot... Ei, é o melhor sorriso que vcs tem?

Fofocas, meu bem, fofocas! Com direito a biquinho e tudo. Glock com certeza descobriu algo do Kova, aposto!

Há, acertei! Essas caras condenam!

Agora é assim quem vence tem direito a uma foto super, hiper, mega, power legal...

... ou foto tipo "mamãe, sou um galã", em homenagem ao dias das Mães.

Para finalizar, uma fotinha do aniversariante do dia:

 Nick "fofolete" Heidfeld. Happy Birthday! \o/
Com uma coincidência, para finalizar o post, me despeço.

Abraços mega afáveis!

segunda-feira, 9 de maio de 2011

GP da Turquia: There is a place...

...And this belongs a Sebastian Vettel.

No post anterior eu escrevi que acreditava que Vettel continuaria fazendo a festa.
E ele continuou. Em 4 corridas, 4 poles e 3 vitórias. Essa de fato, foi a mais tranquila, mais passeio domenical que as anteriores. Mesmo assim ainda bato o pé que é de grande mérito.



De fato a corrida deixou um ar de competição no ar. Fora Vettel, o resto teve trabalhos, alguns mais árduos que outros. Se a intenção era deixar a gente sem tempo para bocejos ou cochilos, funcionou. Houve coisas suficientes para prender a atenção.
Houve as disputas entre pilotos de mesma equipe. Hamilton e Button e Petrov e Heidfeld trocaram umas farpinhas. Schumacher causou seu tumultinhos.
Teve a grande definição entre o trio global de "arrojo" e "indelicadeza". Exemplo: Schumacher e Alonso jogam o carro no adversário. Para o trio global, Massa é arrojado. Uma diferença grande. U-A-U!

Houve empolgação tudo o que aconteceu, fiquei bons tempos atenta, com papeizinhos para controlar paradas por todo o sofá? Sim, de fato. Está bom, e melhor que muitas temporadas anteriores? Sim, com certeza. Mas ainda... ainda precisa de mais pó mágico.
Rola untrapassagem, e não era isso que queríamos? Mas agora está tão comum, que não parece que o que ouvimos mesmo não é o talento do indivíduo gritando alto.
Talvez seja por isso que quando escrevo que Vettel faz a festa eu me dou por satisfeita, como puxa-saco que estou me tornando dele.
Ele tem feito o trabalho todo certinho.





Webber não foi totalmente supremo como Vettel, mas fez boa corrida. A novidade é Alonso de volta ao pódio. De maneira discreta, não fez bobagens como Massa que tornou-se um piloto afoito de uns tempos para cá. Claro os pitstops do brasileiro também não foram legais... Hamilton também teve seu problema com a equipe e não foi igualmente prejudicado! Por falar em McLaren, seus pilotos tentaram um showzinho na corrida, mas no fim eu já acreditava que o prejudicado seria Button, com ou sem estratégia errada. Provocar Hamilton teria seu preço. Talvez não isso, mas...
Nem comento de Petrov e Heidfeld. É bom rolar um suquinho de maracujá não, meninos?
Uma perguntinha: o que é a Mercedes? Schumacher ainda acha que pode brincar, mas Rosberg não pareceu estar de brincadeira, e mesmo assim não teve um lucro bom visto tanto trabalho que teve.
O grande momento chato? Os pitstops. Sério mesmo que vamos ter que ficar nesse impasse de 3-4 paradas por corrida? Que angústia.



A "festa" está legal, mas volto a dizer que a escolha das músicas tornaria tudo muito mais empolgante.
Com essa quarta corrida, Sebastian Vettel abriu vantagem de 34 pontos para o segundo colocado, Lewis Hamilton.
A música do dia é dedicada ao de sempre. Àquele, que continua  "dançando com ele mesmo" (rsrsrsrs...):



Abraços afáveis!