quinta-feira, 1 de junho de 2017

GP de Mônaco com fotos comentadas sarcasticamente (ou não)

Ricciardo: - Você está pegando a filha do Piquet?
Kvyat: - Yep.


Sainz pensa: "Quem?"


***

Bottas dando explicações do tipo político sujo da Lava-Jato:
- Não, eu não sou segundo, nem capacho.


***

Mesmo com pole, olha a cara de alegria contagiante do Kimi


***

Tem tempo ruim para o quase-xará? 


***

Quem és tu?


***

Button voltou e já chegou agitando:
- Participou de ligação intercontinental com o Alonso;
- Prometeu fazer xixi no carro do ex companheiro;
- Saiu dos boxes depois de uma parada e já teve teretetê com um carro da Sauber liberado em cima dele;
- Tentou ultrapassar em um canto estreito (onde? todos são estreitos!) e virou o carro do Werhlein de lado - Uma cena bem bizarra, diga-se;
 - Tomou uma punição pelo incidente estranho que nunca irá pagar - Ok, isso foi mais bizarro que o toque...


***

Ricciardo todo sorriso e Mourinho tipo Kimi


***

Ocon decidiu: carro rosa, capacete rosa.
Force India tinha que ter chamado de volta o Adrian Sutil


***

Virou moda isso em Mônaco? Escolher carro e pousar do lado para foto como se fosse monumento?
Achava que isso era coisa de pobre/reles mortal


***

Percebam, que a cara do Kimi não tá lá muito diferente das fotos da pole...


***

Not amused


***

A intriga já estava plantada, ele decidiu provocar. 


Acho mó legal as pessoas afirmarem as coisas com relação a estratégia, mudarem o nome do meio para "Indignaldos" e "Indignaldas"... Mas e aí, e se fosse o contrário? Não estaríamos dizendo que Kimi tirou vantagem do tempo que ficou na pista e teve melhor parada? 


***

Emburrado, e aproveitou para puxar um cochilo


***

*Um adendo*
A foto abaixo é de um evento, uma das atividades do Teleton italiano, chamado Partida del Cuore:


Ocorreu no dia seguinte à corrida, ao climão, à estratégia que protege Vettel (ainda que de forma velada). 
Li muitas brigas (algumas ferrenhas) entre fãs de um piloto contra os do outro, ambos sendo irracionais e passionais. Ninguém foi razoável à dizer que, sendo os dois adultos, eles sabem onde estão se metendo e o que devem fazer. 
Ninguém também se voluntariou a me fazer companhia na Sonífera Ilha da Manu: Fã de Kimi que mesmo com (ou sem estratégia) se contentou com o pouco, o segundo lugar. Melhor do que as misérias de corridas anteriores...
E entre as brigas ou as discussões, a gente vê que, na hora certa, os pilotos não estão tão lá quanto os seus fãs, não tão assim tão infantis e nem burros. 
No evento, Kimi marcou 3 gols, Vettel, nenhum. E na chegada, esse era o clima entre os dois. Considerada uma má fã do Kimi, pois não sofro mais com possíveis injustiças, tomei uma decisão no ano passado: não sofrer por antecipação, nem me desgastar por conta de esporte. Acompanho F1 mais da metade da minha vida. São mais de 15 anos, 12 sendo fã do Kimi. Depois disso tudo, a gente escolhe ver o lado positivo ou fica 100% triste, sabendo que no dia seguinte, ele mesm já sacudiu a poeira e está pronto para outra. Inclusive com rumores de uma renovação de contrato para mais um ano.  
 Mas é como o meme das redes sociais prega, e talvez, com uma boa razão: o choro é livre...

Abraços afáveis! 

Nenhum comentário: