sexta-feira, 19 de junho de 2015

2.8

Enfim, chegou mas vou admitir: podia ter demorado um pouco mais, hehehehe...

Hoje já fiz muita coisa e só no dia 19 de junho algumas delas acontecem:

- Levantar e ser cumprimentada pelo pessoal de casa;
- Olhar a cara amassada no espelho e mentalizar algumas vezes a nova idade;
- Se arrumar para não assustar mais ninguém da casa com seu desleixo e sorri a perceber que quando acostumei com essa idade já tenho que responder outra para quem perguntar;
- Verificar os cabelos brancos que eu tentei camuflar com henna essa semana e ver que não surtiu muito efeito. Eles estão lá, levemente cobres, mas brilhando arregalados como nunca;
- Passar o café da manhã comendo pão de queijo com requeijão e pensando em um discurso bem humorado para publicar no Facebook;
- Passar o banho inteiro cantarolando "Tenho" do Sidney Magal que também aniversaria hoje;
- Desistir do discurso no Facebook pois isso forçaria a barra para quem não estivesse afim de dar felicitações sinceras e amplas e acabariam por escrever um parabéns seco como comentário;
- Tirar a mesa do café e pensar em meia dúzia de piadinhas com relação à idade avançada;
- Rir sozinha das próprias piadas (ainda que bem toscas).

Agora vivo o dilema de agradecer os recados que vão surgindo no Facebook e Whatsapp porque mais tarde tomarei chá de cadeira em um retorno ao médico. Coisa que só com a idade passa a ser frequente: idas à médico e intolerância às esperas.

O que ainda devo fazer:

- Vou acabar fazendo algum discurso no fim da tarde sobre a data. Ou não. Espero que não;
- Agradecerei todos os recados e felicitações ainda que rápidos e descompromissados , no Facebook;
- Lembrar de algum amigo voado que ignorou a data - sempre tem um e ainda pensar "sabia, kkkkkk...";
Esperar pelas surpresinhas que minhas irmãs estão aprontando para mim (e já estou com medo delas);
E claro, vou agradecer saúde, amigos, família e estudos, nos conformes dia a pós dia. 

Queria recados: 
► que me fizessem sorrir;
Queria lembranças que: 
► me surpreendessem;
► e que valessem mais que qualquer presente;
E quero mais que nunca que:
► eu jamais perca meu bom humor para as coisas.

E para finalizar:


Abraços mega afáveis e excelente sexta a todos!

Nenhum comentário: