quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Sobre capacetes

Sabem aquele momento de ócio que você tem preguiça de levantar e pegar um livro. Ou rodou os 500 canais da sua TV, mas é inculto o suficiente para não ter nem vontade de parar na reprise do Rei do Gado? Ou um empregado, um estagiário já fez tudo por você e consequentemente você (acha) que não tem mais nada e põe-se a pensar em bobagem?

Pois eu acho que é isso que os conselheiros da FIA fazem nesse meio tempo entre temporadas, a chamada off-season, adequadamente apelidada de silly season.
"Silly" até dizer chega. E olha que a gente diz, mas não adianta.
É nessas épocas que panacas de coração verde amarelo desbotado, passam um guache nas cores reiterando discursos risíveis pró pilotos brasileiros. Esse ano, não só o Massa recebe os tais comentários, mas o novato Nars entra na disputa pelo caneco de 2015. #AhamSei
É por esses meses, antes da nova temporada se consumar que se tem reviews de carros e dos testes livres, uns equivocados, outros tiros no escuro que podem até serem corretos com o fim do ano. Diretorias soltam uma bobagem aqui, cita ex-piloto ali, fala mal daquele acolá, lança carro futurista na web, mas está se roendo de nostalgia sem sentido... Alou, Ferrari, essa última foi para vocês! Até que a bobagem mais sem sentido é falar que Vettel se parece até fisicamente com Schumacher. 
O apocalipse da falta da razão. 


A silly season já foi mais quente. Apesar do Massa ter vindo num desses sites que publicam no twitter se vangloriar que fez melhor que o Kimi na Ferrari... É uma coisa fácil de se esperar vindo dele. 
Sobre isso, me dêem licença: Alguém, por favor, dê um prêmio para ele?! Dê de piloto do século, na FIA Gala 2015; ele é sumariamente merecedor de tal condecoração!!! Dois troféus: campeão vitalício, "desde 2008 fazendo a alegria dos torcedores de F1" e um de piloto do século "e toda eternidade, forever and ever". Isso deve bastar por enquanto. Depois pensamos em Nobel da Física e criamos Nobel da Estatística e da Lógica, porque ele também é visionário nessas áreas.


Coulthard também disse algo, que apesar de saber que a Ferrari pode ter um carro pior que 2014, acho exagerado o pensamento. Vi no twitter e não apurei a veracidade da frase, mas ele teria dito que se Vettel não superar Kimi essa temporada ele pode considerar como fim de carreira. 


A silly season está morna. Porém a FIA trata de tirar as barbas de molho: "Ah, não temos nada para fazer, vamos inventar uma bobagem, uma coisa ridícula, sem utilidade?" 
"Vamos", todos gritam. 
E a besteira vem: podem proibir a mudança de pintura de capacetes em meio a temporada - F1 helemts design chances tin-season to be banned... 


 PRA QUÊ??????

Essa frescurada da F1 ainda vai fazer essa ela desaparecer. E do jeito que está, não é complicado dar razão aos saudosistas da antiga categoria. 
Quanta mesquinharia, procurando chifre em cabeça de cavalo para falar "ah, não, não pode...!" #SantaPaciência


Hoje pouco tem feito para fazer valer a categoria. 

Sabem, nisso a NFL fica na off-season com os divertidos trocas de jogadores, comissão técnica, renovações de contrato e prisões e bafões dos mais safadinhos envolvidos. Dá aquela saudadinha fofa e você se pergunta: "Demora muito para agosto?"


E já que eu falava de capacete, acabo de ver no blog 10 jardas uns designs diferentes dos capacetes dos 32 times da liga. (Ver link aqui.) alguns ficaram lindões.
A NFL pode nem liberar para mudar, mas sejamos pragmáticos: nos dá a chance de brincar com os símbolos dos times, curtir o que gostamos, publicar, criar, comentar com os amigos, quase sem nenhum compromisso mais sério. 
Dica para a FIA: watch and learn!


Abraços afáveis!

3 comentários:

Ron Groo disse...

Quando tinha meu podcast e mesmo escrevia a coluna para o jornal da cidade sempre me falavam que não gostavam do excesso de troca de capacetes.
Citavam Senna, Piquet, Mansell e outros maios antigos.
Ai a fia proíbe e nego fica bravo porque proibiu.
Definitivamente, não entendo.

Mas assim, pra mim não cabe a FIA canetar isto. Deixa cada um na sua.

Ah, gostei da loirinha do último gif. Quem é?

Manu disse...

Eu não ligo para as mudanças, se ficarem muito constantes, perturba porque assim cada hora um quer aparecer mais do que o outro. Mas e qd tiver de acontecer umas sutis homenagens? Agora foi para o saco.
A FIA irrita com essa de proibir as coisas. Soa apenas como algo só para podar os caras. Há tanto mais a se preocupar... Pq não começam padronizando os carros, e aí todo mundo competindo de igual para igual? Ou pegando regras que são dúbias e dando uma razão de justiça para todos?

Sobre a loirinha Groo, acho que é de série, sinceramente não sei. Peguei em um Tumblr de gifs, e apesar de não saber de que série era, achei engraçada a cara e o movimento da moça :D
Vou investigar e te falo.

Abs!

Net Esportes disse...

A FIA realmente não tem mais o que fazer, mas de certa forma tem um pouco de razão nesse sentido de ajudar a identificar o piloto. Fora isso, pequenas mudanças que não alterem a característica geral ou cor principal não deveria ser um problema.