sexta-feira, 20 de novembro de 2015

F1 2015: temporada de silly season

Sabem aquela fase que a gente enfrenta quando a temporada de F1 termina ou está quase começando? Aquela em que as notícias são boatos pouco próximos de se concretizarem e aquela em que alguns cornetam os outros? Pois é. Já tivemos uma "silly season" durante toda a "season". 
O que foi esse ano se não um dos piores já vistos?

E aí, o campeão do ano dana a perder as corridas logo depois de seu título conquistado e dana a reclamar do companheiro, da equipe, das estratégias; desembesta a falar asneira falando mal inclusive do grande Schumacher, agora recentemente também soltou veneno para cima de Vettel, Raikkonen e Webber...
Um desrespeito à olhos vistos. Um cara babaca e sem talento, falando 'm'. Se dissermos que nunca vimos isso, seremos mais caras de pau que esse distinto ser. 
É complicado, olhar para trás, tentar relembrar as corridas deste ano, ver o resultado e ainda se animar com tudo isso. Mas só penso, por mais chato que seja em uma só frase: "Poxa, que cara idiota! Muito melhor sem essa criatura por perto."

Para quem perdeu a temporada, já é fácil gritar: "não perdeu nada!". 
Dá pra resumir ela em duas fotos do nosso querido Kimi:

Houveras corridas em que ficamos assim:


Em outras, assim:



Será que a gente merecia um ano como esse?
Duvido.
Mas né, e adianta reclamar? Nada, ainda mais que tem mais uma vindo aí...

Abraços afáveis!

Um comentário:

Ron Groo disse...

não merecemos, é verdade... mas melhor uma temporada assim que uma emocionante do brasileirão.