segunda-feira, 11 de julho de 2016

GP da Inglaterra: The Big Spoiler

Eu comecei  sendo rude com o comentário ao GP inglês, chamando-o de "corrida spoiler".
O que é spoiler, para quem ainda não sabe: é contar algo de uma narrativa, que seja crucial para que ela tenha sentido - como o final - sem que o ouvinte tivesse a experiência de saber por si só.
"Mas a corrida nem tinha acontecido, Manu!"... E precisava?
Desde segunda passada, logo após minhas escritas sobre o GP austríaco eu já tinha em mente: Hamilton venceria em casa, e se Rosberg alguma vez pudesse se aproximar ou mesmo dar um mísero trabalho, ele teria algum tipo de problema; fosse ele causado propositalmente pela sua própria equipe, fosse por ataque de outros.
Ta-dá.

A Ferrari era odiosa quando fazia jogo de equipe.. Mas a gente acabava aceitando, porque os caras privilegiados ou eram muito bons, ou estavam à frente do campeonato. Cambiava mais para o injusto, mas era simplesmente justificável.
O mesmo aconteceu com a Red Bull, na era Vettel. Ele era melhor que Webber, e sempre ficou à frente do australiano, mesmo que ele desse seus pitís, quando algo saia errado. Foram dois ou três desses ataques. 
Schumi foi odiado por muito tempo, Alonso ganhou mais até haters que fãs enquanto esteve na Ferrari... Vettel hoje, é xingado por muitos e eu não entendo porque gastar tanto ódio.
Hamilton é gênio. Gênio porque ataca e joga contra Rosberg, que lhe falta pulso firme até pra ter fãs/defensores.
Enquanto isso, a Mercedes finge agir de boa fé. E eu continuo sem entender porque Hamilton não tem haters, porque não tem odiados. Uma mísera vaia na Áustria e mais nada. 
O bom é que ele quase correu para a galera. Inglês né? Que namorou americana, que vive com amigos americanos e canadenses, todos celebridades da melhor estirpe.
Ah, e tem a Cientologia, já falei? 
Pois é. Malucos são o John Travolta e o Tom Cruise...

Aviso: Spoiler de toda temporada - Hamilton vai passar Rosberg logo na próxima etapa, na Hungria. Voltamos ao modo "boring" de corridas. Depois disso, uma sequencia de corridas com pole position do inglês.

Começar uma corrida com Safety Car é chato para muitos como vi nos comentários do Twitter. Se esqueceram do que aconteceu à Bianchi por conta de chuva e incompetência de segurança. 
Esqueceram também que ficar tentando ultrapassar o Safety Car é também proibido. E então é esse tipo de comissário que fica regulando o que pode e o que não pode na pista, hoje me dia.
Ai vem o tal SC virtual e mesmo assim acontecem ultrapassagens. Bonito. Aplausos: pode tudo, menos para quem não é vencedor.
Para se ter uma ideia, o ex vencedor, Vettel, fazendo um ano bem complicado, foi tentar ultrapassar um piloto ruim, não conseguiu virar, acabou jogando o tal fora da pista e tomou punição. 
E teve gente comemorando. E se fosse o seu piloto favorito? Puniriam e vcs diriam que era culpa do Massa. 
E se fosse o Hamilton? Os comissários diriam que ele teria uma advertência, depois da corrida.

Para se ter uma ideia, aplaudimos as rodadas de pilotos - de todos os tipos: bons e medianos - que atacaram a tal curva Abbey e se deram mal, abandonando a corrida ou custando a retornar. 
Ficamos, de novo, muitos minutos presos em imagens de pilotos tentando defender ou escalar posições, em meio de grid, na quinta posição...
Voltamos também ao ponto de torcer pelo terceiro lugar. Ter-cei-ro! Está errado isso, gente. Muito errado.

Ouvimos tanta bobagem, mas tanta bobagem do narrador, que chega ser necessário uma súplica, de joelhos e mãos postas à Rede Globo: Não voltem mais com José Roberto. Ele é tão idiota que nos dá indisposição de saborear um bom almoço de domingo, depois dessas corridas ruins. Por favor, desapareçam com esse cara, deixem ele fazer campeonato brasileiro, por favor.
Nem o "Jaime. Vou fazer xixi rapidinho..." da Mariana Becker foi tão vexatório quanto os comentários desse cara que se diz narrador. Ele não sabia nem quem estava na tela e falava tanto que parecia que não ia calar nunca. Foi uma burrice atrás da outra. Perdeu a graça já.

Agora me digam, qual dessas alternativas é a melhor:

(    ) "Manu, você está que nem o Raikkonen, reclamando demais, essa temporada de F1 está ótima! Transmissão, comentários, velocidade, disputas, pilotos, tudo!"

Ou

(   )"Sim, Manu, merecemos coisa melhor. A transmissão sempre foi ruim, só está piorando. A competição sempre foi para um grupo pequeno, mas agora, está no pior. A gente cansa. Do jeito que está nem dá para gostar do terceiro lugar!"

E assim a gente se despede. Aguardo uma resposta nos comentários, ou uma nova alternativa.
Abraços afáveis!

PS: ah, punição para o Rosberg pelo papinho no rádio com a equipe, ele caiu para terceiro. O outro pergunta, xinga e fala barbaridades. O Rosberg pede ajuda, eles sabem que não pode dar e o piloto toma  a punição. Por favor, aplausos de novo para a Mercedes... Pois superar as sujeiras das grandes no jogo de equipes, é para poucos.

Nenhum comentário: